No desporto desde 1981

A ”AFFSPORTS” – “ARTUR FLORÊNCIO & FILHOS, AFF EQUIPAMENTOS DESPORTIVOS LDA.”. é uma Empresa importadora, distribuidora grossista, produtora e instaladora de material e equipamentos técnicos para desporto e instalações desportivas em geral, operando em todo o território Português (Ilhas Incluídas), bem como em Paises Europeus e Africanos.

Desde 1981 no mercado Nacional e com cerca de 30 funcionários a AFFSPORTS tem tido como objectivo, contribuir para a inovação, funcionalidade e segurança nas áreas da Educação Física, Desporto e Actividades de Recreação e Lazer através de uma selecção de produtos / marcas que representa em Portugal e nos PALOPS.

Preocupada com os problemas da qualidade dos materiais e tipologias dos produtos, tem vindo a sensibilizar os decisores, a todos os níveis, para as vantagens da aquisição de material Certificado com as Normas de Segurança, que já vão sendo exigidas pela Legislação Europeia.A AFFSPORTS tem apetência para contribuir seriamente, em tudo o que estiver ao seu alcance, para a prevenção e redução de acidentes com material de Desporto e em Instalações Desportivas de qualquer tipo, visando o incremento da prática desportiva em segurança.

Devido a esta problemática, a AFFSPORTS foi a 1ª Empresa em Portugal a ter disponível desde 1999 Máquinas para fazer Testes de Segurança a Balizas e a Equipamentos de Basquetebol.

Em 2002, após criteriosa escolha efectuada entre várias Empresas do sector, com experiência no fornecimento e instalação de equipamentos desportivos, a AFFSPORTS nas pessoas de Prof. Mário Cabral e de Artur (Tita) Florêncio, foi convidada pela APSI (Associação para a Promoção da Segurança Infantil) para fazer parte do grupo de trabalho para o 1º Estudo realizado em Portugal sobre a Segurança de Balizas em Recintos Escolares e Recreativos. Este estudo foi apresentado pela APSI em Setembro de 2002 à Comunicação Social e permitiu avaliar as condições de segurança das Balizas utilizadas por crianças e jovens, em ambiente escolar ou recreativo de modo a conhecer a situação a nível nacional, devido aos graves e alguns trágicos acidentes ocorridos com Balizas no nosso País.

A situação deste nicho de mercado em Portugal é complexa, pela circunstância histórica da maioria dos fornecimentos a Entidades Oficiais e também privadas ser feita na base do “preço mais baixo”. Este critério, que infelizmente predomina nas opções de compra dos “donos de obra”, e com a falta de responsabilização civil pelos seus actos, tem vindo a secundarizar a qualidade dos produtos de marcas Internacionalmente credenciadas, onde actualmente nem sempre a relação preço x qualidade é tão mais onerosa.

Esta concorrência desleal prejudica altamente o consumidor pela sistemática aquisição de materiais sem qualidade comprovada, e prejudica especialmente o “orçamento” (qualquer que ele seja) dando razão à velha máxima do “barato sai caro”.ORGULHOSAMENTE PAGAMOS IMPOSTOS!